quarta-feira, 2 de junho de 2010

Os Lobos voltaram!





Quando os lobos voltaram
Á Serra, durante o Inverno,
Entre uivos, medo espalharam 
No escuro da noite eterna!

Na alvura da neve caída,
Há pouco, há bocadinho,
Deixaram marcas de sangue,
Na candura do caminho!

Ai! De quem ali se ousar,
Em noite de Lua-Cheia,
Lobisomens irão encontrar,
Escondidos na clareira!

As sedentas e temiveis garras,
Tolheram os corpos, dilacerados,
Deixaram marcas de sangue,
Nos destinos profanados!

Se fores á serra no Inverno,
Cuida-te bem, sê vigilante,
Pois vestido de cordeiro,
Irás encontrar um mutante!!


Nenhum comentário:

Postar um comentário