sábado, 11 de setembro de 2010

Pelas Esquinas!
































Pelas esquinas , eu cantei 
pois pelo seu amor eu chorei
quando certa noite acordei
e deixei de sonhar
hoje vivo tranquilo
pois sei que foi apenas uma ilusão
sonhos de um poetas
onhos de um sonhador
pois aprendi a viver
da mais doce realidade
pela qual não sonho mai
samar a quem não me ama
pois aprendi a preservar
a minha amizade
aprendi a dar valor
naquilo que me és mais importante
ou seja...
O amor proprio

Nenhum comentário:

Postar um comentário