domingo, 27 de junho de 2010

Tão Diferente !!




Seria tão diferente...
se os sonhos que a gente gosta
não terminassem tão de repente.

Seria tão diferente...
se os bons momentos da vida
durassem eternamente.

Seria tão diferente...
se a gente que a gente gosta
gostasse um pouco da gente.

Seria tão diferente...
se quando a gente chorasse,
fosse só de contente.

Seria tão diferente...
se a gente que a gente ama
sentisse o que a gente sente.

Mas é tudo tão diferente!

Os sonhos que a gente gosta
terminam tão de repente!

A gente que a gente gosta
nem sempre gosta da gente! 

Um Ser!

 

Eu quero ser o que sou,
e nunca deixarei de ser .
esse ser que sempre existiu dentro do meu eu
Mas que ficou adormecido por ser o que sou
Por medo da maldade ou do mal entendimento
Quero ser o ser que sou. Ser perfeita e imperfeita
Ser cheio de virtudes. Mas também com grandes defeitos
Te ouvir nas horas difíceis..
Aquela que te faz olhar o mundo de outra forma
Não com os olhos do mundo. Mas com outros olhos
Ser o que sou agora. Ser apenas mais que conhecida
Ser mais que um simples ser pra você!

Procurei !!



Andei pelos caminhos da Vida.
Caminhei pelas ruas do Destino –
procurando meu signo.
Bati na porta da Fortuna,
mandou dizer que não estava.
Bati na porta da Fama,
falou que não podia atender.
Procurei a casa da Felicidade,
a vizinha da frente me informou
que ela tinha se mudado sem deixar novo endereço.
Procurei a morada da Fortaleza.
Ela me fez entrar:deu-me veste nova,
perfumou-me os cabelos,
fez-me beber de seu vinho.
Acertei o meu caminho

Quem dera!





Quem me dera!! 
Ter a força do mundo
E nestas manhãs de Inverno
Oferecer-te raios de sol
Para te guiarem por bons caminhos…
Cantar-te uma melodia
Dar-te um sorriso
Tornar o teu dia
Doce como uma poesia…
Quem me dera!!
Ter a força do mundo
E nestes dias de frio
A tua alma aquecer
E das águas cristalinas do rio
Transforma-las num manto cintilante
Para os teus olhos brilhantes
Sorrirem de alegria…
Quem me dera!!
Ter a força do mundo
Para as tuas lágrimas enxugar
Aliviar as tuas dores
E deixar-te amar
Nestas frias noites de luar…
Quem me dera!!
Ter a força do mundo
Para os teus sonhos
Eu puder realizar…
Quem me dera!!