segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Menina levada !!






Quando  Voce  vem com  essa  carinha de  menina levada,
sapeca e pensando em  besterias,
 me dá  um arrepio  na pele ,
 me dá  água na boca ,de  voce..
Voce não tem  nenhuma vergonha .
Todos os  homem sonharia  ter um algúem  assim.
realizando todas  as minhas  fantasias ,
 taras  e mania, voce  vem para mim  , 
como   uma  dona  na  sociedade e uma  louca na cama e
 na  maior safadeza, 
voce
diz que  sera  que serei sua .
 e  no mesmo  momento  me  fazendo a cabeça 
em um coquetel, de  loucura , quando  voce  começa 
ninquem mais te segura .
e esse mexe   e remexer e  esse encosta e  enroscar
e se abre  de  um jeito pra mim , se mostrando , me  agarra
me arranha , não muda nada em voce , pois  eu te quero assim minha Putinha .......

Explodirmos de prazer !




Fecho os olhos e me imagino em seus braços.
Meu corpo junto ao seu, vibra intensamente,
ao toque sutil das suas mãos.
Vejo a sua boca, a minha procurar
e não a deixo esperar.
Selo, com um beijo molhado,
esta busca gostosa, que me faz delirar.
Quero você junto a mim.
Sentir o seu cheiro e ver seu corpo inteiro
o meu também querer.
Meu peito colado ao seu,
sente o seu coração acelerado
que aumenta a cada carinho recebido,
pois minhas mãos, não consigo mais controlar.
Tudo é tão gostoso.
Até o toque de nossas bocas 
em simples beijos, me faz arrepiar,
despertando ainda mais minha louca vontade
de poder te amar.
Em seu rosto, vejo a expressão do desejo.
Sinto suas mãos em meu corpo deslizar.
Todo o meu ser se estremece,
e deixa brotar ainda mais esta ânsia
de lhe pertencer.
Te desejo como nunca.
Queria seu corpo agora, para cobrí-lo de beijos.
Preciso de você, como jamais precisei de alguém.
Não sei mais viver sem o calor do seu corpo,
sem o toque das suas mãos e da sua boca, 
que me diz coisas lindas
e a cada beijo, me enlouquece.
É Amor? ... É Paixão? ... É Desejo?
É tudo ...
Estou completamente embriagada por você.
Quero perder a razão
e só retornar a realidade quando, juntos,
explodirmos de prazer, Eu e Você.

Teu Pazer!



Eu te protejo da minha insensatez entre beijos, passeio por ti , com a acalma dos repetis serpente-ando a minha presa VC.
Finjo  indefesa enquanto vislumbro o prazer de te lamber, roço no seu corpo feito coisa paralisada me arrasto ate sua boca e esqueço teus mitos e abafo seus gritos, arranho  tuas costa( no fundo gostar )
Te cravo os dente( no  fundo sentes)
aliso teus fios lisos e te dou a prova do   meu  cio , afogo seus  pelos , e  me emaranhado em teus cabelos  e te faço macho  amado ,
de cima pra baixo ,louco , leve e réu, tua meta é meu prazer....